Menu

Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Florença


Na noite do dia 04 de Janeiro de 2017 chegamos a Chianti na Toscana, mais conhecida como a rota do vinho!
A gente tinha muita vontade de conhecer essa região da Itália. Eu imaginava aquelas roças de videiras maravilhosas, belos campos verdes contrastando com o céu azul! Como chegamos a noite, tivemos que esperar o dia amanhecer para conferir se tudo que eu imaginava era real... e era mesmo! O sol estava radiante e o friozinho permanecia!
Nos hospedamos em uma vinícola chamada Castelo il Palágio Ricevimenti que reservamos pelo Airbnb. Montamos nossa base lá para visitar Florença e Pisa. Como estávamos em um grupo grande e viajando com crianças tudo tinha que ser friamente calculado e esquematizado. Por isso a vovó Mônica andava sempre com uma sacola preta, que por sinal ninguém queria carregar kkk, cheia de comida. Tinha macarrão, molho de tomate, alguns legumes e frutas, pesto, pães, queijos e vinhos, ou seja, um kit sobrevivência kkk... Ainda bem que alguém lembrava da hora da fome porque quando chegamos na vinícola, estávamos cansados da viagem, um pouco longe de um restaurante, nossos sobrinhos Maria e Francisco não estavam se sentindo bem desde quando saímos de Cinque Terre e tudo que a gente queria era comer uma massa e descansar.
A grande vantagem do Airbnb é essa, ficamos a vontade como se estivesse em casa e é ótimo para quem está viajando com crianças pois temos uma cozinha a disposição para cozinhar a comidinha deles.
A programação do dia seguinte era conhecer Florença! Francisco tinha melhorado mas como Maria ainda estava se recuperando, meus compadres Renata e Claudio preferiram ficar em casa com as crianças. Seguimos então para Florença com o resto da família buscapé!

Vinícola Castelo il Palágio Ricevimenti

A distância entre Chianti e Florença era de uns quarenta minutos. Chegando lá nós estacionamos o carro em um estacionamento particular e andamos algumas quadras até os pontos turísticos que por sinal são bem próximos uns dos outros!
Rafael achou melhor levar Joaquim no sling, mas daria para levar o carrinho tranquilamente. 
Quando chegamos a Piazza del Duomo, demos de cara com a magnifica Basílica di Santa Maria del Fiore ou Duomo de Florença! E sabe o que aconteceu depois? Joaquim dormiu! Nesse momento me arrependi de não ter levado o carrinho. Tive que carregar o moleque pesado no sling porque ele queria ficar no colo da mamãe aqui!
Depois de visitar a catedral, compramos telas de artistas de rua e fomos até um café se aquecer e tomar um sorvete. Contraditório não? É que os sorvetes italianos são muito bons! Rafael tomou mais sorvete na Itália do que quando fomos para a praia! 

Duomo de Florença 

Ficamos esperando bastante tempo na fila para entrar na Academia de Belas Artes. Incrivelmente quem está com bebe de colo não é considerado prioridade. Quando finalmente conseguimos entrar Joaquim acordou! Foi muito bom ter acordado no momento mais esperado...conhecer Davi, a famosa escultura do artista renascentista Michelangelo! A escultura que tem 5,17 metros de altura é maravilhosa! Possui detalhes impressionantes como músculos bem desenhados e veias saltadas! 

Davi

Por fim, antes de voltar para a vinícola onde estávamos hospedados, compramos alguns souvenirs.
Nesse mesmo dia a noite, Rafael tinha combinado com o pessoal da vinícola uma degustação de vinhos acompanhado com queijos e salames. Como eu não estava bebendo ele achou que eu gostaria de fazer uma degustação de azeites de fabricação própria da vinícola. Não sei de onde ele tirou isso né? Fomos então para a degustação. Eu imaginei que iria degustar os azeites com alguma comida né, no mínimo uma torradinha. Mas que nada! A mulher me serviu azeite no copinho para eu beber afff...deurmelivre! O resultado foi uma baita ressaca de azeite no outro dia. Fiquei passando mal o dia seguinte inteiro e por isso deixei de ir conhecer Pisa com o pessoal.
Para completar, Joaquim estava no auge da crise dos sete meses. Aquela fase do medo de perder a mãe! Então, eu tinha que estar sempre a vista dele. Joaquim só queria meu colo!
Enfim, eu recomendo muito a hospedagem em vinícola! É muito legal esse clima de fazenda para as crianças. No verão dá para aproveitar ainda mais pois lá tinha uma piscina enorme!
O passeio em Florença e Pisa já foi introdução para cultural para Maria, Francisco e Joaquim. Para Alice, nossa sobrinha mais velha, foi melhor ainda pois a viagem já ilustra muita coisa que ela aprende na escola!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Booking.com