Menu

Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

domingo, 21 de janeiro de 2018

Ilha de Holbox (México) - Segundo dia

Ilha de Holbox

Café da manhã

Acordamos bem cedo como de costume e fomos para um outro hotel, Casa del Viento, tomar café da manhã pois nosso hotel não tinha restaurante. Tomamos café à la carte por 200 pesos por pessoa.


Dia de praia

Fomos ao mercado comprar bebidas para levar para a praia!  A ideia de ter um isopor é boa pois além de economizar, a bebida fica gelada e de fácil acesso. Não precisa ficar esperando o garçom te atender até porque não tinha garçom. A gente ficava na praia do nosso hotel e lá não tinha serviço de restaurante. Quando a gente precisava de algo a gente ia até a barraca ao lado. 
Ficamos na praia o dia todo. Joaquim brincou muito, fez amizades e tirou os cochilos dele. 

Ilha de Holbox


Ilha de Holbox

Ficou a maior parte do tempo brincando com a gente e na hora do pôr do sol foi brincar no mar o que rendeu belas fotos.

Ilha de Holbox



Ilha de Holbox


Ilha de Holbox

A noite ficamos cansados e Rafael foi na rua e comprou uma pizza e trouxe para o quarto. Joaquim comeu um peixinho com arroz que sobrou do almoço e eu tinha guardado no frigobar do hotel.


Plânctons Fluorescentes 


Existe uma praia lá em Holbox que são habitadas por microorganismos que fazem com que o mar brilhe em tons de azul, verde e prateado durante a noite! Rafael foi conferir e saiu 23h com um grupo do nosso hotel na praia dos plânctons fluorescente. O passeio custou 250 pesos. A luminescência não é constante, só aparece quando existe movimentação da água, o que faz com que só apareça quando movimenta a água com os pés. Vale a pena pela experiência, tem algumas épocas do ano em que o fenômeno é mais forte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Booking.com